Postagens

Mostrando postagens de Março, 2014

Discoteca Básica; 'Berlin', Lou Reed (1973)

Imagem
Discoteca Básica; 'Berlin', Lou Reed (1973)
Discos conceituais já não eram novidade, no início da década de 70. Eles funcionam como trilhas-sonoras de idéias, de conceitos - daí o nome. O LP conceitual é um todo orgânico, um corpo constituído por vários elementos (cada um exercendo uma função em prol da idéia central): a capa, o título, as letras, a ordem das músicas e até (nos países civilizados) a divulgação.
O "Berlin", terceiro LP solo de Lou Reed, é talvez o exemplo mais bem acabado de um disco conceitual. É uma viagem pelo cotidiano do underground, da marginália dos centros urbanos, tudo contado num tom de poesia cruelmente direta e fria.

A produção e os arranjos são de Bob Ezrin (que tinha acabado de produzir os melhores LPs de Alice Cooper). Ezrin escolheu a dedo músicos, estúdios de gravação, fez a mixagem e ainda uma edição brilhante: transformou as duas horas de material gravado, através de cortes e emendas, numa matriz de cinqüenta minutos.

O LP abre com o t…

Rey Pila (Cidade do México, México)

Imagem
Rey Pila (Cidade do México, México)
O Rey Pila é a antítese da sua origem latina; O projeto é encabeçado por Diego Solórzano, ex-Los Dynamites, e faz um som totalmente calcado no Pós-Punk eletrônico e viajado dos anos oitenta, de bandas como Sisters of Mercy e Cure. Se instalou em Nova Iorque e assinou com a Cult Records para o lançamento do primeiro álbum, previsto para 2014.
Confira das duas faixas divulgadas do projeto na página do Soundcloud do Rey Pila, 'Alexander' e 'Lady In Red'




Mais informações;
http://es.wikipedia.org/wiki/Rey_Pila https://www.facebook.com/reypilaofficial https://twitter.com/reypila www.reypila.com/‎

Disco da Semana; Trilogia da Tristeza

Imagem
Disco da Semana; Trilogia da tristeza

Ás vezes, mesmo que sejamos pessoas legais, comunicativas e com uma puta vida legal, as coisas só fazem sentido quando estamos a beira de jogarmos tudo para o alto. Amor, família, trabalho, amizade, enfim, todos os tipos de relacionamento humano que, muitas vezes, trazem a água nos olhos e o aperto no coração.

Hoje, vou falar sobre três trilhas sonoras perfeitas para noites solitárias, frio existecial e alma cinza.
Ouçam com cuidado.
"If You're Feeling Sinister", Belle And Sebastian, 1997
Já começando pela capa, onde vemos uma mulher com cara de 'pulo ou não pulo', ao lado de 'O Processo', de Franz Kafka, 'If You're Feeling Sinister', segundo e melhor disco do Belle & Sebastian é praticamente um livro. Um livro triste e feito para se chorar junto. Cantar também, mas sempre com uma lágrima no olho.
E a tristeza permeia todas as opiniões do disco. Desde de gracejos ao sistema da industria musical, como em …

Sharon Van Etten (Brooklyn, Nova Iorque)

Imagem
Sharon Van Etten (Brooklyn, Nova Iorque)
Na ativa desde 2009, Sharon Van Etten é mais uma expoente na efervescente cena novaiorquina. Já lançou quatro álbuns, o mais recente, 'Are We There?' sai esse ano.
Sharon faz um som orientado para o Folk Rock, delicado e intenso. Muitos podem achar comparações com Cat Power. Com fundamente, eu diria. Porém, o som é mais suave e melancólico e, talvez, menos sensual e intenso. Vale muito conferir toda sua discografia.
Confira o mais recente vídeo, para 'Every Time The Sun Comes Up'.

Mais informações;
sharonvanetten.com/ en.wikipedia.org/wiki/Sharon_Van_Etten

Discoteca Básica; 'Radio-Activity', Kraftwerk (1975)

Imagem
Discoteca Básica; 'Radio-Activity', Kraftwerk (1975)
Kraftwerk - o primeiro grupo pop moderno. Dizemos moderno para associá-lo à era contemporânea, à era da máquina, da eletrônica e do computador. "Radio-Activity" trata de um dos aspectos mais marcantes da contemporaneidade - as revoluções ocorridas no campo da comunicações.

O LP é de 1975, mas é impressionante como o disco vai ficando cada vez mais atual a cada ano que passa. Ele serve para mostrar a posição única do grupo como o pioneiro da música eletrônica dentro do cenário pop. A eletrônica já estava invadindo a música alemã desde a década de 50, no centro de pesquisas eletrônicas de Darmstadt, fundado por Stockhausen. Foi deste centro de pesquisas que saíram Holger Czukay e Schmidt para fundar o Can. Ao lado do Kraftwerk, o Can foi a outra espinha dorsal do rock alemão da década de 70, embora os dois grupos propusessem utilizações diferentes da eletrônica.

Os integrantes do Kraftwerk são de Düsseldorf. Começaram n…

Disco da Semana: 'Achtung Baby : 20th Anniversary Super Deluxe Edition' (2011)

Imagem
Disco da Semana: 'Achtung Baby : 20th Anniversary Super Deluxe Edition' (2011)

A caixa Super Deluxe, comemorando vinte anos do lançamento do  amado "Achtung Baby" chegou aqui em casa. Lógico que não havia esperado ter esse quitute em mãos para ter me deixado á par do seu conteúdo; Já havia baixado todo o material de áudio e vídeo ainda em dezembro e já sabia tudo que estaria contido nele. "Então, por que comprou?" Oras, porque eu sou fanático! Só não comprei a Über Deluxe Edition pelo preço abusivo (hoje, no site da Amazon americana, bate mais de 480 dólares!). Optei pela Super Deluxe porque ela conteria o que mais me importa no pacote; Os cd's, dvd's e o fantástico livro de fotos e notas. Lógico que adoraria ter tudo em vinil, incluíndo os singles no formato original, todos os discos numa capinha bacana e o livrão independente. Cacete, até aquele óculos eu queria, mesmo sabendo que está hipervalorizado para uma réplica.

Bom, enfim. Já havia ouvido e …

Suuns (Montreal, Canada)

Imagem
Suuns (Montreal, Canada)

Os canadenses do Suuns começaram em 2006 e é formado por Ben Shemie, Liam O'Neill, Max Henry e Joseph Yarmush. O som da banda é quase inclassificável; Se você quiser comparar com algo mais fácil, tente os britânicos do Kasabian. Porém, a grande referência da banda é o Krautrock, o esquisito Rock alemão dos anos setenta de bandas como Can e Tangerine Dream.
Eles já lançaram três álbums desde 2010, e o último colocou a banda no radar dos bons sons; 'Images du Futur', de 2013 não entrou em nenhuma lista de discos do ano por aí, mas é interessantíssimo e devemos prestar atenção neles nos próximos anos.
Vamos ouvir '2020', música que mostra perfeitamente essa influência alemã no som da banda.


Mais informações;
http://en.wikipedia.org/wiki/Suuns https://www.facebook.com/suunsband
Saiba mais sobre o Krautrock
http://pt.wikipedia.org/wiki/Krautrock

Discoteca Basica; 'The Idiot', Iggy Pop (1977)

Imagem
Discoteca Basica; 'The Idiot', Iggy Pop (1977)

Uma escolha insegura. Afinal, os dois LPs com os Stooges são punk puro sete anos antes dos Sex Pistols. "Raw Power" (72) é uma escarrada anfetaminada na cara do flower power. O semi-pirata "Metallic K.O." é demência pura. O mundo dos espetáculos não via esse desprezo insolente pelo bem ou pelo "bem" desde as conferências vociferadas por Antonin Artaud, na década de 30. Segundo o Iggy de hoje, 39 anos de idade, talvez não precise mesmo ver de novo. Artaud morreu internado. Iggy foi salvo por David Bowie.

Gravado nos estúdios Hansa (Berlim Ocidental) e do Chateau dÕHerouville (Paris), "The Idiot" tem, de fato, uma mão de Bowie além do que gostariam os raros radicais fãs do Iguana. Na famosa "centena básica", do New Musical Express só entrou o posterior, "Lust for Life". No lançamento, a crítica desceu a lenha, irritada pelo mesmo motivo. 

O disco não esconde. "Música comp…